PRÓ DARWINISTAS DESTROEM A CARREIRA DE UM CIENTISTA DEPOIS DELE TER FICADO CONTRA A TEORIA DA EVOLUÇÃO

PRÓ DARWINISTAS DESTROEM A CARREIRA DE UM CIENTISTA DEPOIS DELE TER SE VOLTADO À TEORIA DA EVOLUÇÃO BASEADA EM DEUS

Assim diz o Senhor, teu redentor, e que te formou desde o ventre: Eu sou o Senhor que faço tudo, que sozinho estendo os céus, e espraio a terra por mim mesmo.

Isaías 44:24

No ano passado, Dr. Günter Belchy foi de uma condição de respeitado membro da comunidade científica a um inimigo, perdendo sua posição como curador de um museu e tendo sua página da Wikipedia removida, pelo crime de combinar fé e ciência. A guerra contra a Bíblia já está acontecendo na mídia e muitos cientistas sabem que, no fim, a procura pela verdade será a vítima final.

bechly-300x265Dr. Belchy é um pelo-entomologista, um cientista que se especializou na história dos fósseis e sistemática dos insetos. Cientista sênior do Instituto de Biologia em Redmond, Washington, Dr. Belchy também é um católico devoto cuja ciência e crença andam lado-a-lado.

“Não me tornei um Cristão apesar de ser um cientista, mas por causa dela”, escreveu o Dr. Belchy no seu website. “Minha conversão foi baseada numa avaliação crítica de dados empíricos e argumentos filosóficos, seguindo as evidências onde quer que elas me levassem”.

Ironicamente, a transição do Dr. Belchy para longe da evolução Darwiniana começou em 2009 quando ele criou uma apresentação para o 100º aniversário da publicação “A Origem das Espécies” de Drawin. Parte do que ele mostrou foi uma escala mostrando como um só livro de Darwin superava todos os livros sobre design inteligente que questionavam a teoria de Darwin.

A teoria do design inteligente sustenta que certas características do universo e das coisas vivas são melhor explicadas por uma causa inteligente, e não um processo caótico como a seleção natural. O design inteligente contradiz aspectos específicos da teoria evolutiva a qual afirma que a mutação genética é aleatória, um processo lento que leva às mutações mais bem adaptadas ao ambiente.

Isso iniciou um processo através do qual o Dr. Belchy entendeu que a mutação aleatória e a teoria da evolução não poderiam explicar muitos dos seus próprios achados na paleontologia. Como um verdadeiro cientista, suas teorias mudaram para se conformar às suas observações. Num blog postado em 2015, o Dr. Belchy rejeitou a evolução Darwiniana.

“Sou cético quanto à teoria Neodarwiniana da macroevolução e dou suporte à teoria do Design Inteligente puramente por razões científicas”, afirmou Belchy no seu site.

darwinA posição desenvolvida por Belchy em defender o design inteligente o levou a ser expulso do seu posto como curador do Museu de História Natural em Stuttgard, na Alemanha. Seu site na Wikipedia foi removido em outubro, com os moderadores questionando sua “notabilidade”. Quando a decisão da Wikipedia foi questionada num fórum público, eles responderam: “Acusações do viés anti-criacionismo não são relevantes”, sem oferecer uma defesa ou prova de que existiam outras considerações mais significantes que explicassem a remoção do Dr. Belchy.

Dr. Nathan Aviezer, um professor de física da Universidade de Bar Ilan, não ficou surpreso pela maneira com a qual Belchy foi tratado.

“Darwin se tornou Deus”, disse Dr. Aviezer ao Breaking Israel News. “O triste fato é que existe um suporte absolutamente fanático pela teoria de evolução de Darwin na comunidade científica. Eles não querem ouvir mais nada e essa não é uma abordagem científica. Existem até mesmo visões totalmente contraditórias sobre a evolução dentre biólogos evolucionistas”.

Dr. Aviezer insistiu que essa tendência era maior do que a divisão secular-religiosa, citando vários cientistas que sugeriram teorias alternativas que não baseadas na fé para a evolução. Essas teorias não-darwinianas foram universalmente rejeitadas.

Dr. Gerald Schroeder, um estudioso da Torá com PhD em física pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), concordou que existe uma tendência contra a Bíblia na comunidade científica.

“Existem muitas pessoas que ficam perturbadas com a sugestão de que algum pensamento metafísico possa ocorrer no universo”, disse o Dr. Schroeder ao Breaking Israel News, sobre uma troca de email que ele teve com o renomado cientista, o Dr. Stephen Hawking. Depois de uns poucos e-mails, o Dr. Hawking terminou o diálogo de forma abrupta discordando das ideias do Dr. Schroeder.

“Ele me acusou de tentar usar a ciência para tornar a Bíblia verdadeira”, disse o Dr. Schroeder. “Ele terminou dizendo que a Bíblia não tem nada a ver com a realidade da ciência, a qual é algo que ele acredita plenamente”.

“Essa é certamente uma agenda na mídia que apresenta um mundo caótico como resultado de uma mutação evolutiva aleatória, mesmo sabendo que não existem evidências de que essas mudanças observáveis sejam o resultado de um processo aleatório”, disse Dr. Schroeder.

Outro exemplo dessa agenda é como criacionistas, tais como Ken Ham, fundador do Ark Encounters, são frequentemente mostrados e ridicularizados pela imprensa. Ham se tornou o alvo para críticas quando teve que encarar Bill Nye num debate sobre criacionismo. E para humilhação da comunidade geek presente, Ham venceu o debate.

O parque temático Ark Encounters, uma amostra do criacionismo de uma Terra jovem, abriu logo depois sob uma torrente de controvérsias e foi criticado por ter sido feito com baixo orçamento, embora Ham tenha aberto seus livros para provar que o parque é lucrativo.

noahs-ark-encounter-1

Um recente artigo no Washington Post ridicularizou Ham por propor que os dinossauros tivessem sido salvos do dilúvio bíblico por Noé. Ham respondeu que ele nunca havia feito tal afirmação e que o Washington Post publicou sua resposta.

Dr. Schroeder sugeriu uma estratégia diferente para ambos os lados do debate.

“Tentei achar uma confluência entre a ciência e a Bíblia, ao invés de criar um conflito”, disse Dr. Schroeder. “A ciência e a crença foram compatíveis na maior parte da história humana. Deus poderia ter criado o mundo num instante, mas escolheu fazê-lo num processo. A evolução é o fluxo de vida do simples para o complexo, que é precisamente o processo que vemos nos seus dias da criação”.

NA: Notadamente essa já era uma tragédia prevista, pois essa batalha não é nada nova e aconselho àqueles cristãos que ainda não viram, que tirem um tempo para ver o documentário abaixo para entenderem bem melhor o que e por que aconteceu tudo isso com o Dr. Belchy. O post de hoje é para que vejam na prática o quanto estamos sendo doutrinados desde muito jovens e há muito tempo para saibamos o que os senhores do mundo quer que saibamos para nos manterem nas trevas do conhecimento e cada vez mais longe de nosso Pai e do nosso Salvador Jesus Cristo. Segue abaixo o documentário:

Anúncios