O NOVO PRESIDENTE DO BRASIL CONSTRUIRÁ O NOVO TEMPLO?

Pois é, saiu no breakingisraelnews.com…

Fonte

Em mim esperam as ilhas de todo o mundo, à frente vêm as embarcações mercantes, os navios de Tarshish, Társis, trazendo de longe os seus filhos, com muita prata e ouro, em honra a Yahweh, o seu Deus, o Santíssimo de Israel, porquanto ele te revestiu de glória e esplendor!

Isaías 60:9

A eleição de Jair Bolsonaro no Brasil, um presidente de direita, marca uma significante mudança de pensamento, se distanciando no socialismo de esquerda enquanto ruma sem freios a um cristianismo que apoia Israel. Pode ser esse evento que marque o início do Terceiro Templo, o qual alguns acreditam será iniciado na América do Sul, num processo que já começou.

Jair_Bolsonaro

…A religião sempre foi um ponto forte em Bolsonaro. Num comício em 2017, o novo presidente brasileiro disse: “Deus acima de tudo. Não existe essa coisa de estado secular. O estado é cristão em sua maioria e as minorias terão que mudar, se elas puderem”.

Uma figura controversa, ele venceu o segundo turno com 55% dos votos depois de não ter conseguido mais de 50% no primeiro turno. As eleições foram tão divididas que Bolsonaro tomou uma facada em setembro num evento de campanha.

Suas posições políticas são idênticas às dos políticos de direita dos EUA (pró vida, pró armas, contra casamentos de pessoas do mesmo sexo). Ele também se opõe à imigração, particularmente do Haiti, África e Oriente Médio. Ele abertamente elogia o presidente Trump, com o qual a mídia o compara e, como Trump, ele frequentemente é atacado pela mídia por causa de algumas de suas falas.

Bolsonaro, assim como Trump, fez uma promessa em sua campanha há 3 meses atrás, que, se eleito fosse, transferiria a embaixada do Brasil para Jerusalém. E assim como Trump fechou a Organização da Libertação da Palestina (OLP) em Washington DC, Bolsonaro também prometeu fechar o escritório da OLP em Brasília.

Embora essas decisões pareçam ser meramente políticas, elas podem ter sido motivadas por profundos sentimentos visionários em relação ao Terceiro Templo. Sob a administração brasileira anterior, em fevereiro de 2016, a Autoridade Palestina inaugurou sua embaixada em São Paulo. O modesto prédio tinha um design interessante: um octógono, e a estrutura tinha um domo dourado no topo. A arquitetura pegava emprestada uma mensagem indubitável: a missão da Autoridade Palestina no Brasil era a de afirmar ser dona do Monte do Templo.

A mensagem não passava batido pelos brasileiros, os quais conhecem as imagens do Monte do Templo. São Paulo é o lar de uma igreja construída que é quatro vezes maior do que o modelo de 300 milhões de dólares do Templo de Salomão e pode receber 10.000 adoradores.

O Rabino Weiss enfatizou que a conexão pré Terceiro Templo à América do Sul aparece na profecia como o primeiro estágio no estabelecimento do Terceiro Templo.

Em mim esperam as ilhas de todo o mundo, à frente vêm as embarcações mercantes, os navios de Tarshish, Társis, trazendo de longe os seus filhos, com muita prata e ouro, em honra a Yahweh, o seu Deus, o Santíssimo de Israel, porquanto ele te revestiu de glória e esplendor!

Estrangeiros reconstruirão os teus muros caídos, e seus líderes e governantes a servirão. Foi com ira e indignação que Eu te feri; apesar disto, com amor misericordioso, demonstrarei graça e compaixão para contigo!

Isaías 60:9-10

O Rabino Weiss explicou que Tarshish é o mundo que fala espanhol.

“Os primeiros que virão a reconhecer Jerusalém para os propósitos do Messias e o Terceiro Templo são os que falam espanhol”, disse o Rabino Weiss. Ele notou que mais tarde neste capítulo, o profeta se refere a eles em termos que descrevem a Inquisição Espanhola.

Os filhos dos teus opressores virão e se inclinarão diante de ti em sinal de reverência e submissão; todos quantos a desprezaram e humilharam, prostrar-se-ão aos teus pés, e a chamarão Cidade de Yahweh, o SENHOR; Tsión, Sião do Santo de Israel.

Isaías 60:14

“O Novo Mundo foi descoberto pela Espanha e Portugal como resultado da Inquisição por Cristóvão Colombo, o qual era descendente dos Anousim (judeus convertidos forçosamente ao cristianismo), “disse o Rabino Weiss. “Esse ato dos descendentes dos inquisidores na construção do Terceiro Templo será seu tshuva (arrependimento) pelo que eles fizeram durante a Inquisição”.

O Sanhedrin já está trabalhando para realizar seu tikkun (conserto) final para abrir caminho à América do Sul para que tome seu lugar na construção do Terceiro Templo. Em setembro, o Sanhedrin hospedou o Creation Concert (Concerto da Criação), convidando todas as nações do mundo a vir e adorar a Deus em Jerusalém. Como parte do concerto, o Sanhedrin convidou as nações a estabelecerem um novo corpo internacional baseado na Bíblia. Lá estavam representantes da Guatemala, Honduras e México, os quais todos assinaram a declaração de suas intenções no papel profético na ajuda a Israel na construção do Terceiro Templo.

Isso abriu as relações entre o Sanhedrin e aqueles países que estão chegando. No mês passado, o Sanhedrin enviou uma carta à Guatemala na ocasião de seu dia nacional de Independência, agradecendo a eles por serem a primeira nação a aceitar seu papel profético.

“Agora oramos para que todas as terras nas quais são falados o espanhol e o português se conectem ao retorno de Sião, o arrependimento e retorno físico e espiritual”, dizia a carta. “Entre seus povos estão nossos irmãos, membros das Des Tribos Perdidas de judeus os quais escaparam da Inquisição e cujos descendentes vivem em suas terras. Também as tribos que caíram em estrita conversão ritualística como toda uma tribo peruana, a qual imigrou para Israel e agora vive uma vida judia plena na Judéia e em Samaria”.

Essas profecias se relacionam diretamente a vocês. Elas falam para vocês, de vocês, mostrando a vocês que foram escolhidos como pioneiros e padrinhos de todo esse despertar profético.

“Oferecemos nossas bênçãos pelo grande sucesso em seu país ao responder a esse desejo divino, e por uma verdadeira e justa paz entre todos os seus povos e países vizinhos. Oramos para que vocês façam sua peregrinação anual a Israel para celebrar a Festa dos Tabernáculos”.

“E para todas as 70 nações de todo o mundo, por seus corações estarem direcionados ao Deus de Israel e Seu povo e para a Terra de Israel e Seu Templo, Deus os erguerá de seus próprio lugares com as leis da Bíblia”.

“Nós os conclamamos para estabelecermos uma organização dos estados em Jerusalém, 70 estados, que administrarão justiça e direitos juntos com o Sanhedrin para se cumprir o que está dito: “de Sião emergirá a Torá, e a palavra de Deus em Jerusalém”.

A carta foi assinada pelo Rabino Zvi Idan, Presidente do Sanhedrin, o Rabino Joel Schwartz, Líder da Corte dos Filhos de Noé, o Rabino Dov Stein, Secretário do Sanhedrin, e o Porta-voz do Sanhedrin, o Rabino Yishi Ba’anad e o Professor Hillel Weiss.

NA: Pois é meus caros, quando eu achava que estávamos meio que “escondidos” em todo esse universo profético, eis que acho tudo isso escrito no breakingisraelnews. Aguardemos o que 2019 tem para nos mostrar. E, pra variar, o Senhor não me cansa de mostrar o quão poderoso Ele é, colocando as peças proféticas em seus devidos lugares na hora datada por Ele e mais ninguém. Viramos esse Brasil numa guinada política, ideológica e espiritual de 180º, com nosso presidente sobrevivendo a uma facada grave. Se alguém ainda não conseguiu ver a mão de Deus em tudo isso, passou da hora. Jesus está chegando!!!!

Anúncios