CERN, A TRANSCOMUNICAÇÃO FINAL?

Dia desses, minha esposa me fez algumas perguntas sobre os fenômenos espíritas e depois de algum tempo de explicações e exortações, acabei entrando num assunto muito comum no meio espírita (pelo menos na época em que frequentava essa doutrina de demônios; Jesus seja louvado por me salvar de tamanha enganação e escravidão), e esse assunto é o da Transcomunicação Instrumental, que resumidamente é a comunicação com os “espíritos dos mortos” através de aparelhos eletrônicos (fitas cassete, computadores, câmeras de vídeo) sem a intermediação de pessoas, os tais médiuns.

Meu intuito no post de hoje NÃO é o de vos ensinar a como fazer esse tipo de coisa, até mesmo porque os seres com os quais acabarão entrando em comunicação obviamente se identificarão como algum ente falecido, mas na verdade são demônios, ou seja, espíritos de Nefilins sem corpos que foram destruídos no dilúvio, seres gerados da união de mulheres humanas com anjos caídos rebeldes, um assunto já vastamente explicado neste site e que nos é apresentado na Bíblia no Capítulo 6 do livro de Gênesis e extremamente detalhado no livro de 1 Enoque.

Para quem nunca ouviu falar disso, segue abaixo alguns vídeos do youtube que mostram como o fenômeno acontece. E olha que isso já apareceu até no Fantástico da rede bobo de televisão.

NOTA: interessante é que nos tais Transvídeos, só vemos fotos existentes na Terra das pessoas falecidas, NUNCA nos são apresentadas imagens dessas pessoas no além. O que comprova a origem enganosa de quem está realmente transmitindo essas imagens e áudios. Veja que não estou duvidando do fenômeno, mas dos autores espirituais que os executam. Vemos que os demônios e/ou anjos caídos são capazes de impressionar sistemas magnéticos de gravação (discos rígidos de computador, fitas cassete e etc) para que imagens e sons apareçam.

Mas o que me veio à mente é a ESTRUTURA que “eles” pedem para que esses fenômenos sejam confeccionados, e a partir daí, logo me veio à mente uma interessantíssima conexão com o que o CERN vem fazendo as particular subatômicas e o porquê de tamanho interesse “deles” em fazer com que cheguemos à partícula fundamental que é responsável pela formação da matéria. Acompanhem o raciocínio, que é simplesmente baseado no que “eles” mesmos ensinaram para que a tal Transcomunicação aconteça.

VOZES: para que vozes vindas do “além” impressionem estruturas magnéticas de gravação, os tais “espíritos” ensinaram que temos que colocar vários rádios em diferentes modos de onda (AM, FM e Ondas curtas por exemplo) sintonizados entre estações para que emitam os chamados ruídos brancos (aqueles chiados) e, a partir do fornecimento desse emaranhado de sons vindos dos rádios, “eles” selecionam as faixas frequenciais necessárias para que o som obtido final seja entendível aos seres humanos. Resumindo: fornecemos matéria prima sonora crua para que “eles” tenham o que escolher para construírem algo que seja materializado em nossa dimensão.

IMAGENS: com as imagens o princípio é o mesmo, só que, ao invés de variadas ondas de rádio, “eles” pedem que coloquemos aquelas TVs de tubo antigas ligadas sem sintonizar em nada, mostrando aquele “chuvisco” preto e branco que então é gravado por uma câmera. Durante o processo de gravação, não se consegue perceber nenhuma imagem, pois o olho humano enxerga 1/24 de segundo por vez, e “eles” gravam na velocidade de 1/60. Então, depois da gravação, na fita ou computador, o filme gerado é analisado quadro a quadro até que se ache alguma imagem gravada.

Os processos podem ter sofrido algumas mudanças e adições tecnológicas ao longo dos anos, mas a base para a realização dos mesmos se mantém, ou seja, é necessário o fornecimento do que poderíamos entender como “partícula básica de áudio” para o aparecimento de vozes e “partícula básica de vídeo” para o aparecimento de imagens.

Para o bom entendedor acho que já chegou à conclusão sobre a conexão que tudo isso tem com o CERN. Teria sido o CERN criado para a grande transcomunicação final? Estaria o CERN fornecendo a “partícula básica do átomo” para que esses seres espirituais se manifestem na matéria de uma vez por todas? Vejam que tudo o que apresentei não foi especulação, a Transcomunicação que um fenômeno bem conhecido e testado por várias pessoas no mundo inteiro, e dou graças a Deus que o Espírito Santo tenha me feito enxergar essa relação.

Não quero ser o dono da verdade, mas acho que realmente há algo bem palpável nesse raciocínio. Vários “CERNs” estão sendo construídos ao redor do mundo e ninguém gasta dinheiro, e muito dinheiro, sem que tenha certeza do que está por vir. Os portais vão se abrir e entraremos numa nova era de “comunhão” com esses mesmos seres que quase destruíram o mundo antediluviano. Gênesis 6 virá repaginado, no lugar de anjos caídos, “eles” virão fantasiados de seres de outra galáxia para levarem muitos à apostasia.

“Eles” nos ensinarão os homens a criarem armas e tecnologias tais que nos acharemos capazes até mesmo de enfrentarmos Deus numa batalha.

Mas como é bom estarmos do lado de Quem vai vencer tudo isso. O cheque mate já foi dado na cruz há dois mil anos atrás, mas o melhor de Deus ainda está por vir!

Anúncios