PAPA DIZ: CRISTO NÃO ERA UM PROFETA!

PAPA BENEDITO DIZ: CRISTO NÃO ERA UM PROFETA!

FONTE: thetrumpet.com 

http://www.thetrumpet.com/article/10090.18.0.0/religion/roman-catholicism/pope-christ-was-not-a-prophet

por Ron Fraser

Papa diz: Cristo não era um Profeta!

19 de Novembro de 2012

Em um assustador discurso feito nessa segunda-feira, conhecida pelos fiéis como Segunda Angelus, o Papa Benedito declarou que Jesus Cristo não era um profeta.

“Ao meio-dia de hoje, o santo papa apareceu à janela de seu estúdio para recitar o Angelus aos fiéis que se juntavam na Praça de São Pedro. Ele realizava o culto de domingo sobre o evangelho, focando nas palavras de Jesus sobre o fim dos tempos.” Assim está escrito na reportagem feita pelo próprio Serviço de Informação do Vaticano num pronunciamento público feito pelo papa nesse domingo.

Num assustador pronunciamento sobre a revelação (apocalipse) de Jesus Cristo sobre os sinais que levariam ao Seu retorno à Terra, o Papa Benedito declarou que “Jesus não descrevia o fim do mundo, e quando ele se utilizou das imagens apocalípticas, Ele não agia como um ‘profeta’. Ao contrário, Ele desejava que Seus discípulos, em qualquer tempo, não se deixassem levar por datas e predições.”

Essa declaração está completamente fora da realidade, ela só pode representar uma tentativa deliberada de perverter a verdade. Ela vai contra toda realidade do próprio apocalipse bíblico.

O próprio poder pelo qual Jesus Cristo ministrou na Terra foi claramente revelado como um Espírito que “mostrará as coisas que hão de vir” (João 16:13).

O próprio Jesus Cristo deu, ao vivo, instruções diretas aos Seus discípulos a mais poderosa e detalhada profecia sobre o futuro, mais especificamente o fim dos tempos, que está preservada na Bíblia (Mateus 24; Marcos 13; Lucas 21).

A Palavra de Deus declara sobre a própria Divindade: “adora a Deus; pois o testemunho de Jesus é o espírito da profecia.” (Apocalipse 19:10).

A declaração do papa não é apenas uma grave mentira. Vai muito além disso. É uma grande blasfêmia.

Mas por que deveríamos estar surpresos?

As próprias profecias do fim dos tempos falam de um indivíduo liderando uma grande entidade religiosa que é dada a ele “Foi-lhe dada uma boca que proferia arrogâncias e blasfêmias; e deu-se-lhe autoridade para atuar por quarenta e dois meses. E abriu a boca em blasfêmias contra Deus, para blasfemar do seu nome e do seu tabernáculo e dos que habitam no céu.” (Apocalipse 13: 5-6).

Devemos lembrar também que esse mesmo indivíduo o qual é profetizado, parecerá como uma ovelha, mas falará como o dragão (Apocalipse 13:11) irá eventualmente dissuadir as massas para longe do maior de todos os profetas – Jesus Cristo – declarou sobre ele na Sua Palavra.

Na verdade, as palavras do papa são uma declaração de guerra contra aqueles que preservam o testemunho do maior dos profetas, Jesus Cristo. Considerem esse versículo apocalíptico sobre os tempos nos quais nós vivemos: “E o dragão irou-se contra a mulher, e foi fazer guerra aos demais filhos dela, os que guardam os mandamentos de Deus, e mantêm o testemunho de Jesus.” (Apocalipse 12:17).

O testemunho de Jesus Cristo é o espírito da profecia, um espírito de revelação que expôs a religião babilônica e revelou o espírito de mentira e blasfêmico que a domina. (Apocalipse 17).

Essa última declaração feita pelo Papa Benedito deve motivar poderosamente qualquer um que ainda tenha um remanescente sobrando em sua mente sobre o testemunho de Jesus Cristo a rapidamente se arrepender e se voltar ao Pai das luzes onde Sua luz de revelação da verdade brilha forte!

O tempo para tomar tal decisão – e assim ganhar a proteção de Deus da devastação do grande período de tribulação profetizada por Jesus Cristo (Mateus 24:21) – está acabando rápido!

Se você é um daqueles que está começando a enxergar a luz, tome logo sua decisão. Nesse blog tenho traduzido muitos estudos e matérias com quase 15 anos de pesquisas.

Que Deus os abençoe e que possam vir logo viver o Reino da Graça do Nosso Senhor Jesus Cristo.

Amém.

Anúncios