Abertura das Olimpíadas de Londres 2012: Ritual Ocultista?

Abaixo segue um vídeo enviado por L. A. Marzulli sobre o possível ritual ocultista que acontecerá durante a abertura dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 neste dia 27 de Julho. Só para lembrar, o ocultismo já começa nos números da abertura (27 ou 2+7=9; com duração de 3 horas; às 9 horas da noite de Londres).

Abaixo do vídeo segue uma rápida tradução que fiz do que é falado no vídeo. Não está 100% correta, pois não teria tempo de revisão e postar legendado, mas quem quiser usar o texto para ledendar o vídeo fique a vontade.

O Comitê Organizador das Olimpíadas de Londres está construindo

uma espécie de miniatura de Avalon dentro do Estádio Olímpico

onde um grande ritual ocultista acontecerá durante a cerimônia de abertura de 27 de Julho de 2012

 

Aparentemente o cenário contém réplicas de referências de lugares místicos

na Inglaterra, bem conhecidos por seus antigos rituais e sacrifícios ocultos

 

“onde teremos um jogo de cricket acontecendo, assim como 120 animais

como: cavalos, patos, vacas e muitos oturos

cada um representando determinado país…

e flores como a rosa para a Ingralterra, e essa para a Escócia,

Abótrea para o País de Gales e Flack para a Irlanda do Norte.”

 

DESCREVENDO AS FIGURAS DA CERIMÔNIA…

 

DEPOIS DE MOSTRAR O MAIOR SINO DO MUNDO ELE CONTINUA

 

“Essa será apenas uma das muitas cenas que aparecerão neste

evento que durará 3 horas e se iniciará às 9 horas

de 27 de Julho.

O primeiro estágio será cultural, depois a cerimônia

irá rodear o estádio

e depois virá o acendimento da tocha.

Esperemos que tudo aconteça dentro do previsto.”

 

Um lugar chave no cenário de abertura das olimpíadas é a réplica da Torre de Glastonbury

que representa a implacável torre de São Miguel.

De acordo com antigas lendas britânicas, os lugares associados com a ilha mística

estão ligados a Avalon e supostamente também é o lugar onde o jovem Jesus e seu tio

José de Arimatéia visitaram durante os anos perdidos de Jesus.

E de acordo com mitos locais, o Santo Graal fora escondido em algum lugar

em Glastonbury. E por essa razão a Igreja Católica Britânica acredita que

a segunda vinda de Jesus acontecerá na Inglaterra, a segunda Jerusalém.

 

Se de um lado Glastonbury é um local de encontro dos cristãos

por outro é também um local de antigos misticismos e rituais pagãos que

nos deixam pensando e questionando o porquê de tais lugares serem replicados

dentro do estádio olímpico para a cerimômia de abertura.

 

“mas é claro que é a pirâmide mais famosa do mundo bem aqui no meio desse

vasto local do festival.”

Do mesmo jeito que podemos achar essa resposta, vamos dar uma olhada

em todo o simbolismo oculto escondido no festival de Glastonbury já que desde

os anos 70 os Illuminatti apresentam grandes show da indústria da música dentro de um

palco em formato de pirâmide durante um fim de semana que cai perto do solstício europeu de verão.

 

O fato é que não são apenas os shows das marionetes da Nova Ordem Mundial que denunciam a

a cabala illuminatti em Glastonbury.

Também são sombrios outros eventos como a misteriosa morte de um membro da

política conservadora britânica que aconteceu em 2011,

talvez sugerem que sacrifícios humanos para propósitos ocultistas são feitos por trás das cortinas desse festival.

 

“então isso veio como uma pedrada no fim de sua vida.

O braço direito do primeiro ministro no condado de Oxford,

Christofer Share foi encontrado morto aqui,

durante a visita de sua família ao festival de Glastonbury.

Os policiais estão investigando e o inspetor Chris Morgan tem detalhes quentes sobre o atentado:

– Existem ferimentos inexplicáveis sobre o tipo de arma que possa ter causado a morte!”

 

O que a maioria das pessoas ignora é o fato de que Glastonbury está localizado perto

da interseção de várias linhas de força naturais. As quais fazem parte de uma rede eletromagnética planetária e

também muitos vórtices de energia, que fazem com que Glastonbury seja um dos maiores locais de concentração

de energia na Terra.

Um local perfeito para magia, bruxaria e todo tido de conjuração de forças sombrias utilizadas com propósitos da cabala illuminati.

 

E definitivamente a presença da família real britânica visitando as sombras do festival de Glastonbury também não é nenhuma coincidência.

Mais sinais da agenda oculta das Olimpíadas de Londres podem ser vistas no logotipo do evento,

que mostra de forma sutil o aparato Zionista por trás do simbolismo holístico impregnado nos jogos olímpicos

e antevê uma Londres que pode servir de cenário com propósito de criação de uma civilização para a ditadura de um único líder mundial.

“Vejamos o logotipo onde Zion (Sião) significa Jerusalém, e dizem que esse racismo é inaceitável entre nós em meio ao Século XXI

e podem haver boicotes por causa disso.

Você acha que nada irá acontecer por causa disso?

Não, pois eles sempre dirão que aqui está escrito 2012. O comitê organizador dirá que está escrito 2012 e não mudaremos isso. Muitas pessoas aceitaram mesmo com esse problema, como vimos na apresentação das pessoas usando pulseiras brilhantes. Bem, acho que sobreviveremos a isso sem boicotes.”

 

O mesmo diagrama zionista é apenas uma das coisas ocultas durante os jogos olímpicos.

Existe outra coisa que é a construção do estádio olímpico, que está sobre um depósito de lixo radioativo, considerado seguro pelo governo britânico.

Um depósito que já está ali há pelo menos 40 anos e ainda assim o governo permite a construção do estádio exatamente nesse lugar, o que não deixa dúvidas dos planos Illuminatti para com as Olimpíadas de Londres.

 

NOTÍCIAS MOSTRANDO DEPÓSITOS DE TÓRIO E RÁDIO DESDE OS ANOS 50 E 60

 

São esperadas 80 mil pessoas durante a cerimônia de abertura no estádio olímpico

o que nos faz lembrar um histórico e grande ritual oculto plenamente livre e cheio de símbolos maçônicos

e contendo um cenário cheio de lugares místicos com animais e batalhas,

que se parecem muito com rituais sinistros para a invocação de forças da escuridão,

roubando energia do público ignorante, cego por legiões de atrações enquanto as marionetes das sombras

vão cumprindo sua agenda secreta para esconder um grande sacrifício ou qualquer outro cenário de pesadelo,

que julgando pelo simbolismo de Glastonbury e sua conexão com os mitos de Avalon e o Rei Arthur, assim como o Santo Graal

da genealogia de Jesus podem revelar o Anticristo Illuminati.

 

Ainda há a possibilidade de várias pessoas estarem se conectando pela magia e dando vazão às suas malignidades.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios